Mais da tv


OUTRO CANAL
Daniel Castro

Record estaciona e já não assusta a Globo
A Record deixou de ser o monstro que no primeiro semestre roubava o sono dos executivos da Globo. A rede de Edir Macedo parou de crescer no Ibope. Na Globo, a avaliação é a de que a concorrente perdeu o fôlego para tentar disputar a liderança. Sua preocupação agora é manter o segundo lugar, ainda não consolidado. Tanto que deixou de lado o slogan “A Caminho da Liderança”.
A Record registrou um crescimento impressionante nos últimos anos. Em janeiro de 2006, tinha média diária (das 7h à 0h) de 5,3 pontos na Grande São Paulo, contra 7,7 do SBT e 20,7 da Globo. Em 2007, fechou com 7,2 pontos, um crescimento de 18% sobre 2006, e deixou o SBT (6,4) para trás.
No início de 2008, seu crescimento foi espetacular. Em abril, impulsionada pelo caso Isabella, atingiu média de 9,8 pontos, 11,4% a mais do que no mês anterior. Sua distância para o SBT era de 3,8 pontos. Para a Globo (18,4), era de 8,6, quase metade da do início de 2006.
Em julho, a escalada da Record sofreu um baque. Sua média caiu para 8,4 pontos, 12,5% a menos do que em junho. Em agosto, nova queda, de 9,5%. Em dois meses, perdeu tudo o que ganhara em um ano. Em setembro e outubro, voltou a crescer, mas em ritmo mais moderado. Neste mês, no acumulado até o dia 25, está com 7,9 pontos, apenas 1,5 a mais do que o SBT. A Globo (16,4) continua distante, 8,5 pontos acima.

DESFALQUE 1
Protagonista de “Chamas da Vida”, maior audiência da Record atualmente (anteontem, deu 17 pontos), a atriz Juliana Silveira torceu o pé e ficará afastada da novela durante duas semanas. Sua personagem, Carolina, viajou.

DESFALQUE 2
O espaço de Juliana foi ocupado por Luiza Curvo. Sua personagem, Michele, se aproximou do protagonista, Pedro (Leonardo Brício), e colabora com ele em uma investigação. Juliana deve voltar ao ar no final da próxima semana.

CONVERGÊNCIA
A Globo estuda introduzir em “Malhação”, em 2009, um personagem que escreverá um blog de verdade. Seria uma nova forma de interagir com os telespectadores.

NOVELA 1
A crise financeira emperrou o processo de confecção do orçamento da Globo para 2009, em andamento desde setembro. Todas as unidades orçamentárias (como programas) já entregaram suas propostas, mas, até agora, nenhuma delas foi aprovada pela cúpula.

NOVELA 2
Não existe um prazo para as aprovações. Nos últimos anos, no entanto, em novembro várias unidades já tinham seus orçamentos aprovados.

NOVELA 3
O problema enfrentando pelos analistas da Globo é a falta de cenários para 2009, porque não se tem uma dimensão exata da crise no Brasil. Enquanto isso, nos bastidores, especula-se sobre cortes nas verbas dos programas menos rentáveis. http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq2711200804.htm


TV Brasil estréia três novos programas
A TV Brasil estréia em novembro e dezembro três novas produções. A primeira, “Tal Como Somos”, busca promover a integração dos países latino-americanos. O programa, que será exibido de segunda a sábado a partir do próximo dia 29, durante um ano, é produzido em parceria com a Televisíon América Latina (TAL), organização que comercializa produtos de produtores independentes, de canais de televisão e de instituições educativas e culturais latino-americanas. A direção é de Cecília Araújo e Alethéia Silvestre.
No dia seis de dezembro, outras duas séries estréiam no canal. “Amálgama Brasil”, produzida pela LC Barreto, é uma série de 26 episódios com o olhar do cantor e compositor Jorge Mautner sobre os Pontos de Cultura (150 centros culturais populares distribuídos por todas as regiões do país). A atração, que será exibida semanalmente às 18h, tem direção de Marcelo Santiago e Daniel Tendler.
No mesmo dia, estréia “Alô, Alô Brasil!”, série de dez episódios, exibida todos os sábados, que resgata a história do rádio no país. A produção é do produtor independente Carlos Alberto Vizeu, que também é pesquisador, roteirista e diretor da série.

Rede de TV digital compartilhada será feita por PPP
Nesta sexta, 28, será assinado protocolo de cooperação entre EBC (TV Brasil), TV Câmara, TV Senado, TV Justiça, Ministério da Educação e Ministério das Comunicações para a criação da primeira rede comum para a transmissão de sinais de TV digital do país. Trata-se de um projeto ousado: uma PPP (Parceria Público-Privada), em que o vencedor da licitação terá que construir e operar uma rede de TV digital aberta nas capitais brasileiras e em mais 229 municípios com mais de 100 mil habitantes. Cada um dos signatários do protocolo desembolsará anualmente algo em torno de R$ 20 milhões, totalizando cerca de R$ 100 milhões ao ano, para a construção e manutenção das operações de transmissão. O contrato é de longo prazo (mais de 20 anos) justamente para atrair o interesse de empresas investidoras. O governo espera que empresas que já prestam esse serviço em outros países se interessem pelo projeto. No Japão, por exemplo, a operação da TV aberta comercial é feita desta maneira. Mas também há a expectativa de que empresas de telecomunicações se interessem em entrar no negócio como operadores de rede. O projeto será licitado no primeiro semestre para que o contrato esteja assinado até o meio do próximo ano. Os recursos para a construção da rede sairão do orçamento da União.

TV Cultura fatura com venda de conteúdo 1/3 do que fatura com publicidade
A TV Cultura já fatura com o licenciamento de seu conteúdo para outras emissoras aproximadamente um terço do que fatura com publicidade. A informação é do diretor de marketing e captação da Fundação Padre Anchieta, Cícero Feltrin. Segundo ele, o valor cobrado pela exibição do conteúdo varia, dependendo do perfil e do tamanho da contratante. Para emissoras públicas, o valor cobrado não ultrapassa 3% de seu orçamento. Com outras emissoras é estabelecida uma relação comercial, na qual a emissora fica obrigada a veicular o break nacional da TV Cultura.

Globo International expande contrato com operadora nos Estados Unidos
A TV Globo International renovou e estendeu o alcance de seu contrato com a operadora de cabo norte-americana RCN Corporation. Com o novo acordo, em vigor desde outubro último, o canal internacional da Globo poderá atingir áreas urbanas dos Estados Unidos onde há muita concentração de prédios, como Manhattan, Chicago e Washington. A expectativa é atender 220 mil lares em potencial. Atualmente, o canal é distribuído pela operadora em Boston. http://www.telaviva.com.br/News.asp?ID=105897


CONTROLE REMOTO
Patrícia Kogut

Marcello Novaes: ‘É uma tristeza’
Recluso em casa, recuperandose de uma plástica no rosto depois de um soco que levou na boate 00, semana passada, Marcello Novaes não quer se manifestar sobre eventuais providências jurídicas que venha a tomar.
Mas falou pela primeira vez com exclusividade para o www.oglobo.com.br/kogut. Na entrevista, diz que está inchado, com hematomas e dor: “É muita tristeza”.

E mais
Marcello conta que a solidariedade dos amigos e colegas é enorme: “Impressionante o número de pessoas que me ligam todos os dias para saber do meu estado de saúde e me dar força”, conta.

Finalmente
O mais duro para Marcello é ter que explicar para os filhos, Diogo, de 14 anos, e Pedro, de 12, como ele, “um cara totalmente da paz”, voltou para casa machucado, vítima de violência.

Em duas
Marly Bueno está no ar em “Mulheres apaixonadas” no “Vale a pena ver de novo” da Globo, mas assinou contrato de três anos com a Record. Ela estará na novela de Lauro Cesar Muniz.

Zigue-zague
Otaviano Costa, que atuou em “Amor e intrigas”, da Record, deverá ir para a Globo.
Ele está cotado para “Caras & bocas”, que será estrelada por Flávia Alessandra, sua mulher.

O caminho
Otaviano começou na MTV, mas já foi da Globo por dois anos. Ele era repórter do “Domingão do Faustão” quando a Band o convidou para apresentar o “O+”, no lugar do “H”, de Luciano Huck.

Faculdade
Ísis Valverde, que estará em “Caminho das Índias”, vai fazer vestibular para cinema durante a novela. Ela está estudando.
Quer entender melhor o trabalho do diretor, e, talvez, no futuro, dirigir filmes.

NOTA 10
Para Walderez de Barros (Glícia) e Regina Braga (Luli) por suas atuações em “Alice”, seriado da HBO que só faz bonito.
As duas são excelentes atrizes em papéis em que isso é valorizado.

NOTA 0
Para o TCM, que passou “Vidas amargas” com legendas não correspondentes ao que os personagens diziam.
Foi mais ou menos como ver James Dean e ler, sei lá, as falas de “Os Aristogatas”. http://www1.oglobodigital.com.br/flip/?idEdicao…kogut&origem=

Não decolou
Nem a despedida de Fábio Assunção conseguiu dar algum gás em Negócio da China. A audiência da novela hoje, dia da última aparição do ator, foi de 22 pontos na Grande São Paulo, segundo números prévios do Ibope – menor do que os 24 pontos alcançados pela Globo nos capítulos de ontem e anteontem. A partir da semana que vem, com galã novo a bordo, a Globo reacende as esperanças de ver o ibope da novela decolar. http://veja.abril.com.br/blog/radar-on-line/


LUANA PIOVANI: “Quanto mais pedras me jogam, mais vou construindo meu castelo”
Luana Piovani foi a estrela da abertura do festival Venezia Cinema Italiano, no Auditório Ibirapuera, na noite de terça. “Vim prestigiar minha comunidade”, disse a atriz, que acaba de conseguir a cidadania italiana. Luana falou à coluna:

FOLHA – Como está o processo contra o Dado Dolabella?
LUANA PIOVANI – Ontem tive uma reunião com meu advogado para ele falar sobre o processo da Esme [a camareira Esmeralda de Souza, que trabalha com Luana no teatro, também foi agredida por Dado durante a discussão]. E estamos mandando cartas para os veículos que deram a história da agressão da Globo [Luana teria agredido uma funcionária da emissora por não terem lhe servido comida light]. A gente está pedindo direito de resposta para dizer que isso não aconteceu. E, se não derem, daí sim faremos uma notificação judicial. Resolveram aproveitar o meu circo de horrores e inventar mais uns shows. Só que, graças a Deus, existem as leis.

FOLHA – Continua namorando o Felipe Simão? Ele foi acusado de agredir um rapaz na pizzaria Guanabara, no Rio.
LUANA – Não aconteceu nem a história da Guanabara, nem a da Globo, nem uma discussão com o [apresentador] Faustão. “Tão” a fim de me sacanear. Mas, quanto mais pedras me jogam, mais vou construindo meu castelo.

FOLHA – Nos últimos dias, seu nome só aparece envolvido em histórias de agressão.
LUANA – Virou um tsunami, né? Dá para chamar assim. As pessoas estão aproveitando o fato de eu ter sido vítima de agressão e tentando me transformar em agressora. Só que isso é muito sério, porque eu fui agredida e, como cidadã, fui lá e fiz corpo de delito no IML, uma situação . E é isso que todos os cidadãos tem que fazer quando são agredidos.

MEU BOLSO
O presidente Lula pulou da poltrona ao ser informado de que o Ministério da Saúde pretende gastar R$ 60 milhões para veicular anúncios de prevenção à dengue. Pediu que seus auxiliares negociem para que as TVs e rádios coloquem a campanha de graça -já que ela é de utilidade pública.

DONA MARISA
A direção do filme “Lula, o Filho do Brasil” convidou a atriz Juliana Baroni, que protagonizou “Dance, Dance, Dance”, na Band, para interpretar a primeira-dama, Marisa Letícia.
A atriz global Leandra Leal recusou o papel alegando problemas de agenda. http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq2711200807.htm


Lost: Personagens de Heroes vão morrer em avião
Após interpretar o piloto do vôo mais comentado das telinhas em Lost, Greg Grumberg pode voltar a um avião fictício em breve, se a colunista Kristin Veich, do site de entretenimento E! Online estiver certa.
Você já ficou sabendo que Tim Kring, o criador de Heroes, pretende diminuir o número de histórias na atração para poder torná-la mais digerível para o grande público. Com menos tramas, fica mais fácil de entender o que acontece e, por exemplo, conquistar novos fãs no meio da temporada.
Para facilitar as coisas, portanto, um acidente trágico vai matar vários dos personagens que nós conhecemos hoje. No final da terceira temporada, Hunter, o vilão interpretado por Zeljko Ivanek, vai prender um monte deles em um avião. A nave vai fazer seu papel de carrasca da vez e cair.
– Um acidente de avião vai acontecer e nós todos estaremos envolvidos nele. Mas não vai ser como o 815. Eu não vou estar pilotando a nave, comentou Greg.
É claro que o episódio acaba aí e só no próximo ano saberemos quem sobreviveu.
A manobra é parte de uma estratégia contra a queda na audiência que o show tem registrado, embora os números de downloads na internet continuem altos. http://www.uol.com.br/


Estilistas brasileiros ganham série de TV
Em 1986, o então médico Oscar Metsavaht era o responsável pelas roupas de uma expedição a uma alta montanha, da qual ele participaria.
Metsavaht desenvolveu então algumas peças com a ajuda de uma costureira e de seu conhecimento médico -útil para frias temperaturas-, que fizeram sucesso entre os amigos.
Ironicamente, as roupas para a neve ganharam, pouco tempo depois, uma pequena loja na praia, em Búzios (RJ), a primeira da Osklen, como o estilista lembra no primeiro capítulo de “Nomes da Moda”.
A série de documentários, que estréia hoje no canal pago Fashion TV, retrata alguns dos principais estilistas nacionais.
Cada episódio é dedicado a um designer e recupera sua trajetória por meio de entrevistas em seu dia-a-dia, permeadas por imagens de arquivo, depoimentos de jornalistas de moda e pessoas que tiveram importante papel em suas carreiras.
A lista de criadores é extensa: Marcelo Sommer, Isabela Capeto, Clô Orozco, Gloria Coelho, Jum Nakao, Reinaldo Lourenço, a dupla Dudu Bertholini e Rita Comparato, Lino Villaventura, Ronaldo Fraga, Tufi Duek e Alexandre Herchcovitch, além de Metsavaht.
Um dos 13 episódios é dedicado à moda praia e reúne três marcas -Blue Man, Salinas e Lenny- no mesmo programa.
“Procuramos estilistas que privilegiam uma identidade brasileira em seu trabalho”, diz Lao de Andrade, diretor da série, que tem criação de Alberto Renault, escritor, roteirista e diretor de desfiles.

Mundo próprio
“Queríamos mostrar o universo de cada designer e deixar o programa com a cara dele”, diz Lao, que usou estampas de Capeto em vinhetas e levou Sommer, conhecido por suas coleções lúdicas, ao circo, em seus respectivos programas.
“Nomes da Moda” ganha ao privilegiar as entrevistas com os estilistas, que normalmente ouvimos rapidamente comentando suas criações na TV. E aí que surgem as boas histórias, que incluem alguns tropeços dos retratados.
Isabela Capeto lembra rindo de suas primeiras peças, jaquetas customizadas que soltavam tinta e seus adereços ao lavar e das ligações de suas clientes.
Ou quando chorou na frente de um compradora australiana, que desistiu de comprar sua coleção, mas voltou atrás ao ver a estilista aos prantos.
————————————————————————————-
NOMES DA MODA
Quando: às quintas, às 22h30
Onde: Fashion TV (Net e Sky)
Classificação indicativa: livre
http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq2711200826.htm
————————————————————————————-


Pela segunda vez, Nanda Garcia é eliminada de “Ídolos”
Após dividir a “zona de perigo” com Rafael Bernardo, a candidata Nanda Garcia foi a eliminada da noite desta quarta (26) do programa “Ídolos”. Esta é a segunda vez que a candidata de Niterói perde sua vaga no reality show: na fase anterior, Nanda foi eliminada e só garantiu sua vaga entre os finalistas na repescagem. Agora, apenas quatro candidatos disputam o prêmio do programa.
A eliminação de Nanda foi considerada “justa” pelos jurados, que apesar de elogiarem a cantora, consideram os demais candidatos mais fortes . “Você chegou até onde merecia chegar”, declarou Luiz Calainho.
Esta semana, o tema da apresentação foi o ano de nascimento, ou seja, cada um cantou músicas gravadas no ano em que nasceram. Nanda cantou “Me Chama” (Lobão) e “Tempos Modernos” (Lulu Santos). Na semana que vem, os candidatos apresentarão músicas de Roberto Carlos e Elis Regina.
http://televisao.uol.com.br/ultimas-noticias/20…ult4244u2020.jhtm


Ibope divide gráfico: Relatório exclui TVs ligadas em DVD
Sabe aquele diagnóstico que explica a fuga da audiência pela profusão de DVDs na praça? Pois é, não tem fundamento. Em outubro, passou de 338 mil, na média do mês, o número de residências que ligaram a televisão, em todo o País, para fazer qualquer outra coisa que não fosse assistir a um canal de TV.
É gente à beça, mas a fatia porcentual que separa esse índice da média total de televisores ligados é minúscula – 1,88%. Assim, 34,22% do País ligou o televisor em outubro e, desse bolo, 32,34% esteve efetivamente vendo TV.
A distinção entre o uso da TV para uma coisa e outra determinou a criação de uma nova divisão de relatórios de audiência pelo Ibope. Desde janeiro, o Ibope batiza como Painel Nacional de Televisão Especial os levantamentos que apontam a audiência exclusivamente televisiva.
Em encontro com jornalistas, anteontem, a diretora comercial do instituto, Dora Câmara, anunciou o feito e apresentou gráficos que apontavam as duas curvas (TV e DVD/game), mês a mês. As duas linhas oscilam na mesma proporção. De modo geral, a TV não sofre, este ano, do mesmo mal de audiência que abala as novelas.

Admitido, por enquanto
Para garantir uma vaga no Aprendiz 6 e ainda um carro, os 16 universitários acima terão de solucionar problemas de lógica e raciocino, que estarão representados em um cenário. O game show especial será exibido na próxima segunda, às 23h, na Record.

Entre-linhas

Poucos apostavam nele, mas Halley/Cauã Reymond mostrou a que veio. A seqüência em que ele descobre que é o verdadeiro herdeiro dos Fontini rendeu a A Favorita 45 pontos de média de audiência anteontem.

Foi ligeiramente constrangedora a participação de Maria Fernanda Cândido e Michel Melamed, astros de Capitu, em gravação do Programa do Jô anteontem. Em papo com a atriz, Jô pareceu ter esquecido de chamar Michel – sentado na platéia – que fará Bentinho na minissérie da Globo.

Quando enfim subiu ao palco, Michel não quis responder como perdeu 20 quilos para viver o personagem. E deu-se a partir daí uma troca de farpas mascarada por risadinhas cordiais. Ao falar sobre a peça do rapaz, em que o ator levar choques, Jô disse que gostaria de usar algo parecido com entrevistados que não se comportam bem.

Michel retrucou: disse que deveria haver algo assim também para apresentadores que não se comportam. Jô então rebateu: “Aí eu não te convido mais para o meu programa”.

Um dos assuntos da coletiva de Capitu, ontem, no Rio, foi a gravidez da protagonista da minissérie da Globo, a estreante Letícia Persiles, que fará a Capitu jovem.

Ainda na trilha de Capitu, o diretor Luiz Fernando Carvalho anunciou que a produção custou R$1 milhão por capítulo (são 5 episódios), orçamento que ele considera baixo. http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/2008112…t_imp284339,0.php


RÁDIO E TV
José Armando Vannucci

Boa Música, Mas na Madrugada
A Globo exibirá amanhã, logo após o Jô Soares, o “Som Brasil” em homenagem a Tom Jobim. Estarão no programa o grupo BR6, Mario Adnet, Rosa Passos, Joyce e, para representar o grande maestro, Milton Nascimento e Jobim Trio. Entre as canções que serão interpretadas estão “Dindi”, “Retrato em branco e preto”, “Águas de março”. “Samba do Avião”, “Wave” e “Quebra Pedra”. Milton Nascimento e Jobim Trio interpretam “A Felicidade”, “Inútil Passagem”, a inesquecível “Eu sei que vou te amar” e “Chega de Saudade”. A próxima edição será dedicada ao compositor Dorival Caymmi.

Especial das Modelos
O canal Sony exibe hoje, às 21h, o episódio especial do “Brazil’s Next Top Model” com os melhores momentos da segunda temporada do reality show. O episódio destaca as confusões, os photoshoots, eliminações e emoção da vitória da nova top model, Maíra Vieira. Os telespectadores vão assistir à cenas inéditas do reality show e saber o que a apresentadora Fernanda Motta conversou com as finalistas horas antes da grande final. Apesar da situação econômica mundial, o canal Sony já viabiliza a realização da terceira temporada

O Retorno do Original
A Rede TV! começa a exibir no próximo sábado os episódios de “Barrados no Baile”, série americana que se transformou em grande sucesso mundial e marcou os anos 90 na televisão. A história tem como ponto central os conflitos e desafios dos irmãos Brenda e Brandon, em Beverlly Hills. Eles compartilham experiências, dificuldades e realizações ao lado de seus melhores amigos: Kelly, Steve, Dylan, Andrea, David e Donna. A Rede TV! vem apostando nas séries antigas para conquistar uma audiência qualificada e há quem afirme que em 2009 esse tipo de atração terá mais espaço na grade da emissora.

Passaporte Carimbado
A equipe de “Vendetta” (título provisório) encerra hoje as gravações na cidade de Palermo, na Itália, e deve embarcar para o Brasil ainda no fim de semana Miriam Freeland,Tuca Andrada, Gabriel Braga Nunes, Daniella Galli e Nicola Siri são os atores que viajaram a Itália para registrar cenas dos primeiros capítulos da novela de Lauro César Muniz. Tuca Andrada, que até recentemente atuava em “Os Mutantes”, interpretará um policial que combate a máfia italiana e vem ao Brasil para desmantelar a facção criminosa infiltrada em nosso país. http://jovempan.uol.com.br/jp/index.php?session=88


Canal traz cinema universal de Cavalcanti
“Consegui fazer cinema em todos os países do mundo, exceto no Brasil.” A declaração em tom de desabafo foi feita por Alberto Cavalcanti (1897-1982), dez anos antes de morrer, a seu amigo e também diretor Jom Tob Azulay, que lembra este primeiro encontro dos dois no programa que o Canal Brasil exibe domingo, às 18h.
Entre diversas cenas de filmes, muitos da época do cinema mudo, o especial conta a trajetória do diretor, roteirista e produtor cinematográfico, que se formou em arquitetura em Genebra e trabalhou com cinema e teatro na França, Inglaterra, Itália, Alemanha, Áustria, Romênia e em Israel.
No Brasil, em 1949, foi produtor geral da Companhia Cinematográfica Vera Cruz, por pouco mais de um ano. Desiludido com as dificuldades no país, voltou à Europa em 1954, após realizar dois importantes filmes nacionais, “Simão, O Caolho” e “O Canto do Mar”.
Entre as raridades exibidas no programa, há cenas de Jean Renoir e sua mulher, Catherine Hessling, atuando em filmes mudos franceses de Cavalcanti nos anos 20. E produções feitas para o governo inglês nos anos 30, com narração sombria do poeta W.H. Auden e música de Benjamin Britten. Em outro trecho, Cavalcanti dirige Michael Redgrave, em 1945. (FERNANDA EZABELLA)
————————————————————————————-
ALBERTO CAVALCANTI
Quando: dom., às 18h; 5/12, às 10h
Onde: Canal Brasil
Classificação indicativa: livre
http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq2711200823.htm
————————————————————————————-


CULTURA PROVOCA ANTÔNIO FAGUNDES
Antônio Fagundes dá entrevista a Antônio Abujamra para o “Provocações’ (Cultura) de 26/12; Abujamra chama o ator de “Fafá” e o questiona sobre telenovelas


LINGERIE SUSTENTÁVEL: Famosas mostram calcinha ecológica
Danielle Winits, Barbara Borges e Cynthia Howlett prestigiam lançamento da lingerie Eco Organic


NA CNN RUSSA
A chinesa CCTV tem seu canal em inglês, também a Al Jazeera e agora a Rússia. A turnê do presidente pela América Latina é acompanhada pelo estatal Russia Today, já com página própria no YouTube.
De ontem, destacou “futebol, armas e gás” como os três gols ou o “hat trick” de Medvedev no Brasil. Nas imagens, além da “photo-op” futebolística, sua reunião com a Petrobras, que fechou um acordo com a russa Gazprom. O acordo foi noticiado também nas agências ocidentais e na “Forbes”, esta avisando para “Seguir os russos em direção à energia latino-americana”. http://www1.folha.uol.com.br/fsp/brasil/fc2711200823.htm


Halley atrás das grades
Com a intenção de acabar de uma vez com a imagem do rival, Flora pede ajuda de Dodi para fazer com que Halley seja preso em ‘A Favorita’

FILMES

Meu Maior Sucesso
SBT, 14h15; não recomendado a menores de 10 anos. (I’ll Be There). Inglaterra, 2003, 105 min. Direção: Craig Ferguson. Com Craig Ferguson, Jemma Redgrave, Charlotte Church.
Quando o astro de rock Craig Ferguson tenta o suicídio, sua filha adolescente (Church) passa a querer conhecê-lo. Ela, filha de um relacionamento antigo com Rebecca (Redgrave), agora terá importância crucial na vida do roqueiro. Comédia cujo centro óbvio é o escocês Ferguson.

Entrando numa Fria
Globo, 16h10; classificação indicativa não informada. (Meet the Parents). EUA, 2000, 108 min. Direção: Jay Roach. Com Robert de Niro, Ben Stiller, Teri Polo.
Apaixonado, Ben Stiller topa conhecer o pai (De Niro) de sua amada (Polo). Só que o pai é um paranóico e decide dificultar-lhe a vida. Apesar de De Niro estar afetadíssimo, o filme capta um fenômeno propício a comédias: relações com o futuro sogro.

Por Água Abaixo
Bandeirantes, 22h15; livre. (Down Periscope). EUA,1996, 96 min. Direção: David S. Ward. Com Kelsey Grammer, Lauren Holly, Rob Schneider.
Embora tenha ambições de comandar um submarino nuclear, tudo que o Kelsey Grammer consegue é uma sucata da Segunda Guerra. O que dá e sobra para a tripulação de malucos do mar.

Um Vôo Muito Louco
Record, 23h15; não recomendado a menores de 16 anos. (Soul Plane). EUA, 2004, 86 min. Direção: Jessy Terrero. Com Tom Arnold, Kevin Hart, Method Man, Snoop Dogg.
Depois de receber indenização de uma companhia aérea, rapaz negro abre a sua própria, de vôos nada regrados.

Intercine
Globo, 1h50. A emissora sugere para a sessão de hoje a escolha entre “Uma Paixão em Florença” (2000; não recomendado a menores de 14 anos, de Philip Haas, com Kristin Scott Thomas, Sean Penn, Anne Bancroft) e “Mulher Solteira Procura” (1992; não recomendado a menores de 14 anos, de Barbet Schroeder, com Bridget Fonda, Jennifer Jason Leigh, Steven Weber).

Um Pirado no Espaço
Globo, 3h35; livre. (Rocket Man). EUA, 1997, 95 min. Direção: Stuart Gillard. Com Harland Williams, Jessica Lundy.
Jovem gênio (maluco, como convém ao clichê) é chamado para o primeiro vôo tripulado a Marte. Viagem de oito meses, em que ele, desligado que é, vai aprontar o que não devia em vez de dormir -como devia. Tudo bem, dormimos nós. (IA) http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq2711200802.htm

ESPORTE

10:00 – Golfe, Copa do Mundo Omega Mission Hills: primeira rodada – ESPN (VT)

16:00 – Futebol, Copa da UEFA: Schalke 04 x Manchester City – RECORD e ESPN BRASIL

17:00 – Futebol, Mundial Feminino Sub-20: Brasil x Noruega – SPORTV e TERRA (Internet)

17:00 – Futebol, Mundial Feminino Sub-20: Coréia do Norte x México – TERRA (Internet)

17:30 – Futebol, Liga dos Campeões da Europa: Internazionale x Panathinaikos – ESPN (VT)

18:00 – Futebol, Copa da UEFA: Portsmouth x Milan – RECORD e ESPN BRASIL

20:00 – Futebol, Mundial Feminino Sub-20: Japão x Congo – TERRA (Internet)

20:00 – Futebol, Mundial Feminino Sub-20: Alemanha x Canadá – TERRA (Internet)

20:00 – Vôlei, Italiano Feminino: Novara x Sassuolo – BANDSPORTS (VT)

20:30 – Basquete, Paulista Masculino: Bauru x Paulistano – ESPN BRASIL

20:30 – Showbol, Torneio RJ/SP: Fluminense x Botafogo – SPORTV

21:30 – Showbol, Torneio RJ/SP: Flamengo x Vasco – SPORTV

23:00 – Futebol Americano, College Football: Texas Longhorns x Texas A&M Aggies – ESPN http://www.papodebola.com.br/papodemidia/coluna/20081126.htm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: