Benedito Ruy Barbosa diz que Paraíso não é uma cópia de Pantanal

 


Agência O Globo

Autor de tramas rurais que marcaram a história da TV brasileira, Benedito Ruy Barbosa define o som do berrante do peão Zeca, de ´Paraíso´, como o ´chamamento do amor´. Para ele, o objeto é um símbolo fálico na relação entre os protagonistas, que ganha um remake a partir de amanhã, às 18h, na Globo

Protagonizada por Eriberto Leão e a aposta Nathália Dill – a ex-vilã de ´Malhação´ será a santinha Maria Rita – a novela, originalmente ambientada no interior de São Paulo, agora se passa em Mato Grosso. Aos 78 anos, Benedito fala o que pensa. Com a saúde um pouco debilitada – sofreu um AVC em 2006 -, ele conversou ao lado da filha, Edmara Barbosa – responsável pela adaptação de ´Paraíso´ com a irmã, Edilene -, e do diretor Rogério Gomes.

Como é o trabalho de supervisor?

BENEDITO RUY BARBOSA: Li os primeiros dez capítulos. Se a Edmara fizer besteira, tiro ela da novela (risos). Quando a emissora resolve refazer um trabalho, o autor se preocupa em não deixar que a novela tenha tantas novidades, que seja o mais fiel possível.

Não acha o Brasil rural de 1982 diferente do atual?

BENEDITO: O Brasil rural melhorou bastante, mas não o suficiente. E o universo mostrado na novela ainda existe, estou falando de temáticas que ainda estão aí. A novela é atemporal.

A santinha não teria outro comportamento hoje?

BENEDITO: Ela não é acomodada e quer se rebelar. Mas foi criada para ser santa. Um dos momentos mais bonitos da novela é quando a Maria Rita vai para o convento, mas o Zeca vai atrás e toca o berrante na porta. A santinha quer arrebentar tudo. O berrante é o chamamento do amor, o símbolo fálico.

A intenção de mudar a trama do interior de São Paulo para o Mato Grosso é reviver ´Pantanal´?

BENEDITO: Não. É outra história. É que hoje as comitivas de boi são mais comuns naquela região e praticamente não existem no interior de São Paulo.

O que mais o irritou com a manobra do SBT para reprisar ´Pantanal´ (a emissora comprou a novela num leilão da massa falida da Manchete)?

BENEDITO: Ah, Silvio Santos, sem vergonha… Até hoje não me pagou nada. Ele ligou há uns anos para comprar ´Pantanal´ e eu disse que não poderia vender por trabalhar para a Globo. Ele ofereceu R$ 5 milhões. Mais tarde a Globo comprou os direitos da novela. No ano passado, quando o SBT começou a exibição, meti uma ação. O juiz disse que não tinha coragem de tirar a novela do ar por causa do público.

Foi bom saber que uma novela feita em 1990 ainda tem tanto apelo?

BENEDITO: Não dessa forma. Mas ´Pantanal´ é uma novela forte. Quando foi exibida no SBT, a novela foi a maior audiência da emissora. Hoje, com aquela novela escrita pela coitada da mulher do Silvio (´Revelação´, de Íris Abravanel), o SBT disputa com a Band. Eu tenho uma pena dessa mulher…

A baixa audiência da faixa das 18h o preocupa?

BENEDITO: Estou confiante. ´Paraíso´ tem proposta que ultrapassa a das novelas que estão no ar. O segredo é o gancho, é o ´e agora, o que vai acontecer?´.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: